"Corri riscos, estive com pessoas que pertencem à História. Tudo isso fez de mim aquilo que sou."
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
Manuel Alegre na Póvoa de Varzim:
25-02-2016 com Câmara Municipal da Póvoa de Varzim

“A literatura é a catarse da existência” foi o tema da primeira mesa da 17ª edição do Correntes d’Escritas, realizada ontem, na Póvoa de Varzim. Antônio Torres, Hélia Correia e Manuel Alegre, moderados por José Carlos Vasconcelos, interpretaram o significado da palavra catarse e a sua relação com a literatura.
Manuel Alegre procurou, nos dicionários que possui, o significado da palavra catarse. Não encontrou. Foi encontrá-la na Internet, na Infopédia, um conselho de Cecília Andrade, mas não se identificou com nenhuma das definições. “A literatura nasceu da linguagem e da imaginação. Poetas e romancistas continuam, com palavras, a tentar mudar e reinventar a vida. E, às vezes, a tentar adivinhar, porque a escrita continua a ser uma vidência”, disse o poeta.
Ver texto integral da intervenção de Manuel Alegre AQUI Ler mais

No festival Correntes d´Escritas na Póvoa do Varzim
24-02-2016 Lusa

O poeta Manuel Alegre criticou hoje aquilo que definiu como uma "ditadura do mau gosto" alimentada pela comunicação social, que prejudica a literatura nacional e fomenta o desenvolvimento de uma "subliteratura". Durante uma intervenção, na primeira mesa do encontro de escritores de expressão ibérica Correntes d'Escritas, na Póvoa de Varzim, Manuel Alegre considerou que "a palavra do Homem está pervertida, pela tecnocracia, pelos interesses, pelo império do dinheiro e também pela subliteratura". Ler mais

*
Póvoa do Varzim, 24 de fevereiro, 17.30
23-02-2016

Manuel Alegre é um dos participantes na 17.ª Edição do Correntes d’Escritas, o festival literário que todos os anos, por esta altura, tem lugar na Póvoa de Varzim. Ao longo de 5 dias, de terça-feira a sábado, cerca de 80 escritores, de várias nacionalidades, marcarão presença em apresentações de livros, conversas com leitores, debates, exposições, naquele que é já considerado o maior evento do género realizado no nosso país. Ler mais

*
4ª feira, 17 de fevereiro, 21.30, em Oeiras
15-02-2016

Integrado no ciclo de conversas “Livros proibidos”, promovido pela Biblioteca Municipal de Oeiras, Manuel Alegre está no dia 17 de fevereiro, a partir das 21.30, no auditório daquela biblioteca, com o moderador e jornalista Ricardo Costa, para falar de ‘Praça da Canção’ e ‘O Canto e as Armas’. Entrada livre. Ler mais