"Corri riscos, estive com pessoas que pertencem à História. Tudo isso fez de mim aquilo que sou."
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
19-04-2010

"Hoje, como sempre, poesia é liberdade". Assim terminou Manuel Alegre a sua intervenção esta manhã na Universidade de Pádua, recebendo uma prolongada ovação de pé das centenas de jovens que não quiseram deixar de assistir à inauguração da nova Cátedra de Língua, Literatura e Cultura Portuguesas com o nome do poeta português, o que obrigou a uma mudança de sala para poder acolher todos os presentes.
Veja a intervenção de Manuel Alegre AQUI Ler mais

*
19-04-2010 Lusa

O escritor Manuel Alegre ficou muito sensibilizado com o título de cidadão honorário da cidade italiana de Pádua, que lhe será hoje atribuído "em reconhecimento ao poeta e ao combate pela liberdade". "O presidente do Município vai-me conferir o selo de Pádua e atribuir-me o título de cidadão honorário de Pádua, como reconhecimento ao poeta e ao combate pela liberdade", disse à agência Lusa o ex-deputado socialista. Ler mais

*
Segunda feira 19 de Abril
15-04-2010

A Universidade de Pádua inaugura na próxima segunda feira, dia 19 de Abril, às 11.00, a Cátedra Manuel Alegre, destinada ao estudo da Língua, Literatura e Cultura Portuguesas. O poeta irá para proferir a "lição magistral", numa cerimónia que conta com a presença das autoridades académicas, diplomáticas e municipais. Ler mais

*
Lançamento de "O Miúdo que Pregava Pregos numa Tábua"
07-04-2010 com base em diário.iol.pt (excertos)

Um mar de gente esperou Manuel Alegre esta tarde, nas Galveias, para assistir ao lançamento de "O Miúdo quer Pregava Pregos numa Tábua", último livro do poeta, edição da D. Quixote, uma novela colocada à venda há menos de duas semanas e que já tem a segunda edição no prelo. "Há mais vida para além da política", disse Manuel Alegre aos jornalistas, irredutível na sua vontadae de separar o livro da questão das presidenciais. Livro que ao fim e ao cabo é "uma pergunta sem resposta, uma relação do mistério com o mistério" e cujo autor confessa que não sabe "se foi ele que inventou o miúdo, ou se foi o miúdo que o inventou a ele".
Veja a intervenção de Manuel Alegre AQUI Ler mais

Entrevista de Isabel Coutinho
02-04-2010 Ipsilon

"Mesmo depois de crescido, o miúdo que pregava pregos numa tábua está convencido de que a poesia é um processo mágico", conclui a entrevistadora Isabel Coutinho no final da entrevista com Manuel Alegre publicada na revista Ípsilon.
Leia a entrevista AQUI Ler mais

*
Novo livro de Manuel Alegre
4ª feira, dia 7 de Abril pelas 19.30
02-04-2010
*
A propósito de "O Miúdo que Pregava Pregos numa Tábua"
01-04-2010 revista Ler de Abril de 2010

Tema de capa da revista Ler de Abril, a entrevista de Manuel Alegre, feita por Carlos Vaz Marques a pretexto do novo livro O Miúdo Que Pregava Pregos Numa Tábua , é um retrato de corpo inteiro do poeta que se recusa a misturar a poesia com a política.
Veja a entrevista AQUI. Ler mais