"É preciso subverter o discurso cinzento e tecnocrático e recuperar a força primordial da palavra"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
22-07-2016

Manuel Alegre encerra neste sábado a Conferência Internacional “Encarceramento colonial no século XX: uma abordagem comparativa”, que decorre de 21 a 23 de julho no Museu do Aljube - Resistência e Liberdade, com a apresentação do livro “Papeis da Prisão: apontamentos, diário, correspondência (1962-1971)”, de Luandino Vieira, editado pela Caminho. Manuel Alegre conheceu Luandino Vieira na prisão de S. Paulo, em Luanda, em 1964; e Luandino seria responsável pela salvação de alguns poemas de Manuel Alegre, escritos na cadeia e que Luandino conseguiu passar para o exterior. Ler mais

*
Fernando Guimarães sobre "Vinte Poemas para Camões":
06-07-2016 JL

Fernando Guimarães, em crónica literária sobre "Vinte Poemas para Camões", publicada no JL, sustenta que Manuel Alegre "é visto por alguns críticos, aliás com boas razões, como sendo um poeta em que existe um pendor épico, mas conjugável com uma acentuação lírica. Ora nestes Vinte Poemas talvez se possa encontrar uma terceira acentuação: a dramática". Porquê? interroga-se. "Porque nesses poemas Camões não é o outro como personagem. É, sim, o outro como linguagem", justifica. Ler mais

*
Manuel Alegre em Braga, na entrega do prémio DST:
04-07-2016 com Diário do Minho de 3.7.2016

“Às vezes só os poetas podem dar este grito de libertação”, afirmou Manuel Alegre em Braga, na cerimónia de entrega do grande prémio literário dst ao seu livro de poemas “Bairro Ocidental”, lembrando Luís de Camões. O poeta acusou os políticos portugueses de não saberem nada de história. «Só quem não percebe nada de história pode permitir um insulto a Portugal como aquele que fez o ministro das finanças alemão, Schäuble», afirmou. Ler mais