"Na televisão, os comentadores de futebol substituíram grandes figuras da literatura portuguesa"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
*
Manuel Alegre comemorou o 1º de Dezembro em Santo Aleixo da Restauração
01-12-2019

“Há poucas terras onde o 1.º de Dezembro possa ser celebrado com tanta legitimidade como em Santo Aleixo que, antes de ser da «Restauração» por decreto de 1957, já era da Restauração pelo sacrifício e o sangue do seu povo”, afirmou Manuel Alegre na comemoração do 1º de Dezembro promovida pela Junta de Freguesia de Santo Aleixo.
Numa cerimónia simples e muito comovente, Manuel Alegre lembrou a luta heróica do povo de Santo Aleixo para salvaguardar a sua independência e identidade portuguesa, em especial durante a guerra da Restauração, onde por duas vezes teve de fazer frente às tropas espanholas, com grande desproporção de forças mas uma enorme coragem.
Veja a intervenção na íntegra AQUI

“A ausência de um acordo de fronteira, que só seria estabelecido em 1893”, explicou Manuel Alegre, “fez com que esta terra raiana de Santo Aleixo tivesse sido vítima de sucessivas invasões e represálias, na crise de 1383-85, na Guerra da Restauração em 1641 e 1644 e na Guerra da Sucessão de Espanha em 1704. Mas se a linha de fronteira não estava traçada no território estava desde sempre definida e marcada no coração do povo de Santo Aleixo.”

“Nesta hora de grandes incertezas, em que os valores parecem virados do avesso, concluiu o poeta, “a história de Santo Aleixo da Restauração merece mais do que o nome inscrito no Monumento dos Restauradores. Merece ser conhecida, ensinada nas escolas, contada na televisão.”