Nós voltaremos sempre em maio
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
Manuel Alegre em Angola
Artigo editado pelo “Sol” em Luanda desaparece misteriosamente na edição de Lisboa
12-03-2010 jornal "Sol", edição de Luanda

A edição de hoje do jornal Sol em Luanda publica um artigo de Carlos Ramos sobre o regresso de Manuel Alegre a Nambuangongo. Estranhamente, a edição do mesmo jornal em Lisboa omite esta reportagem. Também a RTP África emitiu uma reportagem sobre o regresso de Manuel Alegre a Nambuangongo que não foi transmitida nos telejornais principais da estação. Numa altura em que tanto se fala de liberdade de expressão, que critérios editoriais terão conduzido a estas omissões?
Veja o artigo da edição de Luanda no fim desta notícia

Transcrevemos um excerto do artigo de Carlos Ramos:
"Manuel Alegre chorou no regresso a Nambuangongo, na Província do Bengo, a cerca de duas centenas de quilómetros a Norte de Luanda. Como o próprio confessou: «Foi aqui que senti, num minuto, a fronteira entre a vida e morte».A mesma memória tem para ele um significado político simbólico. «O que é mais importante é que daqui nasceu uma Angola livre e um Portugal democrático»."
O artigo refere ainda que "a forma respeitosa, e até carinhosa, com que os angolanos receberam o antigo combatente, político e intelectual foi generalizada. Um respeito sentido por onde passou, desde Nambuangongo à Associação Chá de Caxinde, em Luanda, onde se encontrou com Pepetela, antigo homem de armas, da política e camarada da escrita e de exílio na Argélia."

Documentos
Documento em formato application/pdf Artigo do jornal "Sol" editado em Luanda6978 Kb