"Não gosto de engenharias sociais ou artificiais messiânicas"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Notícias
Manuel Alegre sobre Cavaco Silva:
PR é corresponsável pela situação
09-06-2010 Lusa e RTP


O candidato presidencial Manuel Alegre afirmou hoje que o Presidente da República é também “corresponsável” pela actual situação económica do país, frisando que nas últimas eleições se fez passar a ideia de que o facto de Cavaco Silva ser professor de economia e finanças iria contribuir para resolver os problemas financeiros do país.

“Não podia, porque o Presidente da República não governa”, disse Manuel Alegre. “Todos somos corresponsáveis, mas o Presidente da República é eleito por sufrágio directo”, recordou.

Sobre as próximas eleições presidenciais, Manuel Alegre afirmou estar convencido que terá pela frente “uma campanha difícil, mas importante para a democracia, num momento especialmente complicado da vida dos povos no mundo, na Europa e em Portugal”. “Mas é nas horas difíceis que é preciso gente de caráter, gente que não fuja à luta. Em democracia pode ganhar-se ou perder-se, mas o pior de tudo é perder por falta de comparência. Isso comigo nunca acontecerá”, frisou o candidato presidencial.

Interrogado sobre o teor dos últimos atos oficiais do chefe de Estado, Alegre considerou que Cavaco Silva “está todos os dias no terreno”, algo que, na sua perspetiva, “pode fazê-lo com total legitimidade”. “Mas também se arrisca a que haja interpretações sobre a natureza de alguns dos seus atos políticos”, advertiu. Manuel Alegre lembrou que a "cooperação estratégica" defendida pelo actual Presidente da República tinha implícita a ideia de que há "uma partilha na definição das linhas políticas do Governo”, ideia de que Manuel Alegre discordou frontalmente na última campanha presidencial.