Descobrir não é criar. Chegámos sempre ao que, antes de nós, já lá estava. Mas em cada chegada aconteceu uma dupla descoberta: a dos outros por nós e a de nós próprios pelos outros.
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Discurso Directo
> Discurso Indirecto
*
Frente-a-frente: Manuel Alegre e Defensor de Moura na RTP1
“Estarei mais perto dos mais sacrificados pela crise”
16-12-2010 RTP on-line

“Estarei mais perto daqueles portugueses que neste momento são ao mais sacrificados pela crise”, disse Manuel Alegre esta noite no debate na RTP com Defensor de Moura. “Este é o meu compromisso de hoje porque este tem sido o compromisso de toda a minha vida”.
Veja o debate na íntegra AQUI

Num debate em que Manuel Alegre começou por elogiar a coragem da candidatura de Defensor de Moura, ficaram claros dois propósitos bem distintos: enquanto o ex-autarca se apresenta para tentar impedir a eleição de Cavaco Silva à primeira volta, Manuel Alegre posicionou-se como alternativa para Belém, explicando a sua interpretação dos poderes do Presidente e a sua independência face aos partidos que o apoiam. Alegre explicou a necessidade de Portugal ter voz na crise europeia, num momento em que o centro ganha cada vez mais poder em relação aos países periféricos. E considerou “um sinal negativo” as medidas anunciadas pelo governo de facilitação dos despedimentos, ressalvando contudo como positivas as medidas sobre reabilitação urbana.