Nós voltaremos sempre em maio
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Discurso Directo
> Discurso Indirecto
2 / 3
1 2 3
*
Manuel Alegre no jantar de apoiantes em Viseu:
05-11-2010

Quero desfazer alguns estereótipos que andam na comunicação a respeito do meu combate: não, não estou desaparecido, estou reaparecido em combate para disputar a vitória. E todos os combates da minha vida foram sempre difíceis.
Veja o discurso no Youtube AQUI Ler mais

*
Manuel Alegre em Marco de Canavezes:
04-11-2010

A pensar “nos mais desfavorecidos”, naqueles que mais sentirão as “medidas de austeridade muito duras”, contidas no Orçamento de Estado aprovado hoje na generalidade, Manuel Alegre considerou, num jantar com duas centenas de apoiantes no Marco de Canavezes, que a sua candidatura é, num momento difícil para Portugal, mais necessária do que nunca.
Veja o discurso no Youtube AQUI Ler mais

*
Manuel Alegre na Mesquita de Odivelas:
29-10-2010

Muito obrigado pela vossa tolerância. A minha presença aqui hoje é a expressão de um claro compromisso. Se for eleito Presidente da República, serei o garante dos direitos, liberdades e garantias consagrados na Constituição da República Portuguesa, entre os quais avultam a liberdade de consciência, de religião e de culto de todos os cidadãos nacionais ou estrangeiros residentes. Ler mais

*
Manuel Alegre no Funchal garante:
26-10-2010

A partir de hoje, Cavaco Silva passará a ser, “em termos legais”, “um candidato como os outros”, afirmou Manuel Alegre esta tarde na inauguração da sua sede de candidatura no Funchal. “Não há novidade na sua recandidatura, nem no seu discurso”, acrescentou, explicando que “os seus apoios são praticamente os mesmos de há 5 anos, a principal diferença é que desta vez eu tenho mais apoios, porque tenho, não só aqueles que estiveram comigo há 5 anos, como desta vez o meu partido, o PS, o BE e muitos outros”. Manuel Alegre frisou também as diferenças que o separam de Cavaco Silva na concepção de democracia, uma “vivência de todos os dias”, garantindo que, se for eleito, “quando vier à Madeira será na Assembleia Regional que receberei os partidos políticos”. “Comigo na Presidência”, voltou a garantir Manuel Alegre, “haverá liberdade e respeito pela democracia em todo o território nacional.” Ler mais

*
Manuel Alegre lança apelo em Coimbra:
15-10-2010

“Transformar esta candidatura numa grande dinâmica social capaz de criar a energia necessária para uma mudança e uma nova esperança para Portugal” foi o grande apelo lançado por Manuel Alegre em Coimbra, num jantar onde mais de 400 apoiantes o aplaudiram com entusiasmo, numa grande jornada de mobilização na cidade cujos mestres e companheiros recordou. “Estou aqui tal como sou”, a pensar “no país e nas pessoas concretas que vão sofrer cortes e congelamentos”, frisou Manuel Alegre, criticando “alguns ex-ministros das Finanças”, “sempre os mesmos, sempre com as mesmas receitas – cortar, cortar, cortar, até acabarem por cortar a nossa paciência e a alegria de viver”.
Oiça a intervenção no final da notícia Ler mais

Manuel Alegre com Daniel Sampaio, mandatário por Lisboa
Manuel Alegre com Daniel Sampaio, mandatário por Lisboa
Manuel Alegre na inauguração da sede nacional em Lisboa:
13-10-2010

Inauguramos hoje a Sede Nacional para que seja um espaço de mobilização e cidadania, porque foi da cidadania que esta candidatura nasceu e é para os cidadãos que ela existe. Há cinco anos, na noite em que foram anunciados os resultados, havia nesta sede jovens a chorar pelos 30.000 votos que faltavam para a 2ª volta. Na próxima noite eleitoral não quero ver ninguém a chorar, quero ver festa e alegria pela passagem à 2ª volta. Porque desta vez é possível. Em todas as sondagens, com números diferentes, a tendência é a mesma: Cavaco a descer, nós a subir. Ler mais

Manuel Alegre em jantar de apoiantes em Braga:
07-10-2010

Amigos, companheiros e camaradas

Saúdo todos os presentes, saúdo na pessoa do meu mandatário e dos oradores que me precederam aqueles que me apoiam, cidadãos independentes dos movimentos cívicos e redes que estiveram na origem da minha candidatura, saúdo o Partido Socialista, saúdo o Bloco de Esquerda, saúdo todas os portugueses e portuguesas que estão com a minha candidatura e que querem fazer um movimento social capaz de impor a mudança de que Portugal precisa. Ler mais

Manuel Alegre no Barreiro:
04-10-2010

Ser republicano hoje foi o mote da intervenção de Manuel Alegre no Barreiro, uma das três terras, com Loures e Moita, em que a República foi implantada a 4 de Outubro, há cem anos atrás. “Não venho para cumprir calendário, venho para defender uma República moderna”, garantiu. Uma república, explicitou, onde os direitos sociais sejam inseparáveis dos direitos políticos e em que os jovens posssam voltar a acreditar.
Veja excertos do discurso AQUI
Oiça o discurso no final da notícia. Ler mais

Manuel Alegre no Barreiro:
04-10-2010
Manuel Alegre no Barreiro:
04-10-2010
*
Alegre no CCB em Lisboa garante:
11-09-2010

Amigos, companheiros e camaradas
Na pessoa de António Almeida Santos, Presidente do PS e com muita honra o meu partido, na pessoa de José Manuel Pureza, Presidente do Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda, na pessoa do José Faria e Costa, Presidente da Assembleia Geral do Movimento de Intervenção e Cidadania, saúdo os dirigentes dos partidos políticos e dos movimentos cívicos aqui presentes, saúdo todos os independentes e voluntários, saúdo os mandatários nacionais e os mandatários e coordenadores distritais que vieram de todo o país, incluindo as Regiões Autónomas, para as reuniões de trabalho que antecederam esta sessão que tem um objectivo claro que a todos nos une e mobiliza: a vitória. Ler mais

Manuel Alegre no Centro Cultural de Belém:
11-09-2010
Manuel Alegre no Centro Cultural de Belém:
11-09-2010
Manuel Alegre no Centro Cultural de Belém:
11-09-2010
Manuel Alegre e António Arnaut, mandatário por Coimbra
Manuel Alegre e António Arnaut, mandatário por Coimbra
Manuel Alegre em Coimbra:
09-07-2010

"Não queremos o bezerro de ouro, não queremos o mercado acima do Estado", afirmou Manuel Alegre na reunião de apoiantes em Coimbra, explicando por que razão entende que o Estado português deve contestar a decisão do Tribunal Europeu que condenou o uso da "golden share" pelo Governo para vetar a venda da parte portuguesa da Vivo à Telefónica. "As decisões do Tribunal Europeu têm por trás uma Constituição económica não escrita que está a corromper o projecto europeu" disse o candidato. "Entrámos para a Europa para partilhar soberania, não para abdicar da nossa soberania e sermos uma espécie de colónia da ditadura dos mercados financeiros", recordou Manuel Alegre, numa das passagens mais aplaudidas da sua intervenção, feita de improviso.
Oiça o discurso em três partes ou leia-o na íntegra no final da notícia Ler mais

Manuel Alegre em Coimbra:
09-07-2010

"Não queremos o bezerro de ouro, não queremos o mercado acima do Estado", afirmou Manuel Alegre na reunião de apoiantes em Coimbra, explicando por que razão entende que o Estado português deve contestar a decisão do Tribunal Europeu que condenou o uso da "golden share" pelo Governo para vetar a venda da parte portuguesa da Vivo à Telefónica. "As decisões do Tribunal Europeu têm por trás uma Constituição económica não escrita que está a corromper o projecto europeu" disse o candidato. "Entrámos para a Europa para partilhar soberania, não para abdicar da nossa soberania e sermos uma espécie de colónia da ditadura dos mercados financeiros", recordou Manuel Alegre, numa das passagens mais aplaudidas da sua intervenção, feita de improviso.
Leia ou oiça o discurso integral na continuação da notícia Ler mais

*
Manuel Alegre na inauguração da sede do Porto:
02-07-2010

“Eu não sou economista e sei muito pouco de finanças, mas tenho uma outra visão da economia e não quero na Presidência da República alguém que tenha a superstição dos mercados, que aceite uma posição de subserviência em relação aos mercados, que não diga uma palavra quando o Governo toma uma atitude justa que é a de vetar um negócio que punha em causa grandes interesses nacionais”, afirmou Alegre esta tarde, na inaguração da sede da sua campanha presidencial no Porto.
Oiça o discurso em 5 partes no final da notícia Ler mais

2 / 3
1 2 3