"De cada vez que o Parlamento cede ao populismo, este não agradece, reforça-se"
Manuel Alegre
InícioManuel AlegreNotíciasAgendaOpiniãoPresidenciais 2011LinksPesquisa
YouTube Twitter FaceBook Flickr RSS Feeds
> Discurso Directo
> Discurso Indirecto
Para todos os assuntos relacionados com o autor Manuel Alegre ou com a sua obra literária contacte rbreda@dquixote.leya.com
Maria Helena A.B. e Baião
Too much "on my face"
01-08-2010

Caro Manuel Alegre,
Depois de anos a cronicar na Imprensa Regional e de ter sido alvo das mais indignas pressões e de violento processo de mobbying e de perseguição pessoal, o PSD e os seus correlegionários locais, mais os seus "boys" e as suas "girls" conseguiram minar, por infiltração e danos, físicos e psicológicos, a minha força anímica e a minha capacidade financeira, numa tentativa inequívoca de me calarem, como antes fizeram a todos aqueles que sabem emprestar palavras a estados de espírito, fazendo com que um pensamento se torne numa ideia e que uma ideia, depois de publicada, se transforme numa afirmação politica, por um lado, e numa grande contrariedade, por outro. Se vencerem e estes meus comentários não forem publicados, terá vencido a censura, a arbitrariedade, a imbecilidade e a coação psicológica. Mas principalmente, terá perdido a LIBERDADE. E o 25 de Abril devolveu-no-la e não abriremos mão dela, sem, pelo menos, dar luta. Tenho dito. Abraços